sexta-feira, 22 de março de 2013

Certo Incerto

         O que queres de mim? O que espera de nós seres humanos? Eu sei, já te senti, és verdadeiro, lindo e impactante. Mas o que me consome é esse, CERTO INCERTO. Pode ser agora, amanhã, ou se prolongar por anos. Minha dificuldade é manter acessa a chama da esperança, é ter fé que tudo no tempo certo, vai se ajeitar. 
     Qual é o tempo certo? É angustiante não saber a hora, o dia. Somos meros mortais fragilizados com nossos próprios erros, apesar disso, queremos dominar tudo, inclusive, a sua perfeita vontade.
       Miseráveis humanos, amados incondicionalmente por um Deus perfeito e misterioso. O que nos resta? Lançarmos no rio do seu amor e afogarmos em sua graça. A saída é rendermos a sua vontade, de corpo, alma e espirito. Despir-nos de toda resistência.  Porém, sinto esperança, por que vejo em você a solução. Uma certeza, em meio a tantas inseguranças.

Geeh Rodrigues
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário